05/11/2017 16:06:00

RIXA
Briga em boate de Prudentópolis deixa feridos e prejuízos
Funcionária e namorado acabaram se desentendendo, o que teria motivado o quebra-quebra


(Foto: Arquivo/Reprodução)


Da Redação. com informações da PM de Prudentópolis e da Copas Verdes FM

Prudentópolis - Segundo uma ocorrência atendida pela Polícia Militar de Prudentópolis, por volta das 5h30 da manhã deste domingo (05), uma equipe foi acionada para dar atendimento a uma rixa em uma boate, localizada no bairro Ronda, naquele município.

O solicitante informou que aproximadamente onze pessoas estariam envolvidas. Chegando no local, a PM constatou que apenas os proprietários e as funcionárias se encontravam ali, e, em sua maioria, apresentavam muitos ferimentos.

Por conta disso, o Bombeiro Militar foi acionado e prestou atendimento às vitimas, encaminhando algumas delas ao pronto atendimento da Santa Casa de Prudentópolis, em estado crítico. Nesse tempo, uma equipe realizou buscas nas redondezas e, com êxito, conseguiu abordar um veículo Del Rey marrom em que os autores das agressões haviam se evadido, de acordo com o relato dos envolvidos. No carro, um indivíduo na direção e um passageiro, que disse ser o proprietário responsável pelo automóvel. Os demais envolvidos fugiram a pé em direção a um matagal próximo.

No interior do veiculo foram localizados dois facões, utilizados pelos envolvidos durante a ação (conforme relato de algumas funcionárias do estabelecimento, no local, e que não quiseram acompanhar a equipe para prestar declaração), além de algumas bebidas que foram reconhecidas pelo responsável pelo estabelecimento, como sendo de sua propriedade e que haviam sido roubadas durante o fato.

De acordo com o relato do proprietário e do segurança da boate, uma de suas funcionárias seria namorada de um rapaz e que o mesmo havia ido até lá para levá-la embora, mas acabaram se desentendendo.

O proprietário do imóvel (hospitalizado) interferiu entrando em luta corporal com o denunciado. O rapaz - o namorado da funcionária - ligou para seus amigos, os quais vieram no Del Rey e então agrediram-se mutuamente com o proprietário do local, sua esposa e outras funcionárias do local. Foi verificado pela equipe que grande parte dos móveis do estabelecimento foram danificados, além de dois veículos que estavam no pátio que tiveram avariadas as sua lataria e vidros. Foi verificado também que havia vidro por todo o local, estilhaços, pedras, pedaços de madeira e sangue.

Os envolvidos e o veiculo foram encaminhados para a delegacia de policia civil local, onde as vitimas reconheceram os autores (por fotografias tiradas dos detidos no local). O responsável pelo estabelecimento relatou que um dos indivíduos que estava no veículo e que foi preso, portava pedras no momento do ocorrido, com as quais quebrou algumas das janelas do estabelecimento e dos veículos, bem como agrediu algumas das pessoas que lá estavam. O outro indivíduo que estava de passageiro no veículo, e que afirmou ser o proprietário do veículo, também foi reconhecido pelas vitimas.

Foi constatado que todas as janelas do estabelecimento foram quebradas, grande parte dos móveis danificados e também os veículos, e foi dado falta da bebida, localizada no interior do veiculo apreendido, bem como uma das três pessoas foi hospitalizada em estado critico.

Ainda, o condutor do Del Rey não estava habilitado e apresentava sintomas de embriaguez, sendo realizado teste de bafômetro resultando em 0,15 mg/L, sendo elaboradas as notificações cabíveis e repasse da ocorrência à policia judiciária para demais providências.

Uma das vítimas ainda permanece hospitalizada.

COMENTÁRIOS