19/09/2016 17:27:00
Agora sim, as eleições!

Com o fim das Paralimpíadas, que fechou as Olimpíadas no Brasil, com o processo do impeachment da ex-presidente Dilma também já consolidado e com o deputado federal Eduardo Cunha já cassado, não há mais nada de relevância que desfoque o eleitor das eleições municipais deste ano.

A cerca de 13 dias da maior - e a única confiável - pesquisa popular nas urnas, a tendência é que a campanha, propriamente dita, seja colocada na rua. E a partir de agora o eleitor pode esperar de tudo, principalmente, os ataques intensificados nas redes sociais. Há aqueles que, em vez de utilizar as pessoas para a divulgação de propostas positivas, investem na desmoralização do adversário. Típico ato de quem está vendo a causa perdida.

Bom, em meio a essa "guerra" pela busca do voto, o grande desafio é convencer o eleitor e motivá-lo a ir às urnas votar. Afinal, o que vem sendo demonstrado até agora é o grande desinteresse da população pela política. E nesse contexto é preciso estar muito atento com o voto de protesto. Porque quando o povo levanta, não há quem faça sentar!

 

 

Sobre o Blog

Cristina Esteche é jornalista, publicitária e fundadora da Rede Sul de Notícias.